08/03/2018 14:53:39
Diversão e Arte
Primeiro 'Circuito Alagoano de Teatro de Rua' estreia no centro de Maceió
Crédito: Fotos/ Página FacebookAssociação Teatral das Alagoas apresenta, dia 24 de abril, 'A Princesinha mimada e o Dragão malvado', em São José da Laje
Da Redação do Alagoas Boreal

A associação teatral Nega Fulô dá início ao primeiro “Circuito Alagoano de Teatro de Rua”, levando espetáculos ao ar livre a sete diferentes cidades do Estado. A primeira apresentação acontece nesta quinta-feira (8), às 16h30, na Rua do Comércio, centro de Maceió. O espetáculo "Mixuruca" é apresentado pela companhia da cidade de Arapiraca, Turma Do Biribinha. Já na sexta-feira (9), no mesmo horário e local, a companhia Nega Fulô apresenta o espetáculo "Torturas de Um Coração".

O ator Regis de Souza, integrante da companhia Nega Fulô, afirma que o movimento de teatro de rua tem sido importante para a “valorização e o crescimento da arte cênica alagoana nos últimos anos”. "Inspirados e utilizando-se dos elementos da cultura popular, os espetáculos no repertório do Circuito reelaboram essas características tradicionais mediante uma encenação poética e visualmente contemporânea.”

Clowns de Quinta participa com o espetáculo 'Cenas Clawssicas 3.0'

Também participam do Circuito a companhia La Casa com o espetáculo “A Mulher braba”, a Associação Teatral das Alagoas com “A Princesinha mimada e o Dragão malvado”, o coletivo Volante com o espetáculo “Volante”, os Clowns de Quinta com “Cenas Clawssicas 3.0” e a companhia Nega Fulô com duas outras encenações, “Um Teatro de Cordel na Feira do Passarinho” e “O Romance de Dona Menina com Dom Carlos de Alencar”.

Pilar, São José da Laje, Delmiro Gouveia, Porto Calvo, Marechal Deodoro e Maravilha são as demais cidades que recebem o projeto, seguindo até maio. A ação foi contemplada no segmento teatro pelo prêmio "Mestre Cicinho", realizado pela Secretaria de Estado da Cultura (a Secult). Cada cidade receberá, durante os fins de semana, dois espetáculos de grupos distintos. A programação completa pode ser conferida no site aqui.